domingo, 28 de junho de 2009

Back to romance...

Era uma vez dois meninos: Joãozinho e Luizinho.

Joãozinho e Luizinho não se conheciam, mas eram irmãos gêmeos. Daqueles separados na maternidade, com direito a todos os detalhes de novela mexicana.

Os dois cresceram, viraram homens-músicos-barbudos-charmosos, e conquistaram o coração das garotas. Todas elas...

Até que, no meio de todos esses amores e após algumas relações conturbadas, eles acharam os amores de suas vidas (ou pelo menos eles acreditavam ser).

No entanto, como bons irmãos gêmeos com suas tão parecidas características, não souberam administrar o amor que lhes era dado. Não suportaram. Caíram fora.

Joãozinho e Luizinho NÃO NASCERAM para o amor. São criaturas excêntricas que não conseguem enxergar nada que passe a linha dos seus umbigos. Eles vivem tão intensamente seus momentos, que acabam queimando seus neurônios e esquecendo do que viveram. Esquecem das juras de amor, das promessas feitas, e dos corações que machucaram.

Pra não passarem vergonha, eles inventam histórias cabulosas de que bateram a cabeça ou de que usam drogas pesadas...

Ainda há esperança de que esses dois irmãos se encontrem pelo mundo afora...

11 comentários:

Gabriela disse...

uiehiueheiuheuiehui
qual será o fim dessa historia?
Eu nem quero saber, mas acho q
Podiam ir pra neverland...

:P

Paula disse...

hum??

CADU disse...

Ao menos sabemos que não é o michael jackson!!

Anônimo disse...

É por essas e outras que eu admiro cada vez mais as mulheres. Se elas ouvem nós homens conversando, elas vão entender tudo que a gente fala. Claro, tem detalhes técnicos como de futebol por ex. que o “sexo frágil” não domina na maioria dos casos. Mas elas sabem do que se trata o assunto. Agora eu me imagino sendo mulher, sentada em uma mesa de bar, ouvindo uma amiga minha contando essa história e entendendo tudo. Deve ser a tão falada intuição feminina. Intrigante!

O mundo já é das mulheres. E não é à toa.

Anônimo disse...

Este é o famoso sexto sentido. Nós que temos cinco, usamos drogas e batemos a cabeça para entrar no clima.

Julia disse...

hein??

Paula disse...

hein?? [2]

Carolzinha disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Carolzinha disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Carolzinha disse...

Bahh! Acho que eu conheço um desses gêmeos! Qualquer semelhança é mera coincidência??? Será?? Que coisa de louco!

Anônimo disse...

É, Back to Black...